Etiquetas

, , , , , , ,

Um estudo em primatas pode ajudar a entender mais sobre o comportamento de humanos. Uma pesquisa feita em macacos capuchinhos revelou que a imitação é o principal mecanismo para promover a união social e formação de grupos de amigos entre os primatas.

Apesar de que este estudo posso contribuir para se entender transtornos de relacionamentos sociais, como o autismo, com ele dá para observar várias ações de nossos compartamentos. Observando algumas pessoas depois disso, percebi que pessoas mais tímidas acabam imitando pouco os comportamentos sociais dos outros. Este tipo de imitação, pelo que percebi,  não é de fazer o que as outras fazem, mas sim seu comportamento, modo de agir, algumas ações, como são feitos os gestos e expressões, como se dá o rosto quando se está espantado ou triste.

Macaco capuchinoIsso também pode ajudar a entender melhor outras culturas. Analisando o padrão de imitação de cada povo poderemos entendê-los melhor. É curioso como até comportamentos sociais então relacionados a pequenos comportamentos simples que fazemos naturalmente. Claro, é apenas um estudo.

Mas fico a pensar, será que todos têm a mesma capacidade de imitação? Assim como com outras habilidades, talvez, embora possamos imitar a comunidade em que estamos, tenhamos mais afinidade com alguma imitação, ou seja, com o comportamento de uma cultura.

Seria interessante fazer um estudo em que pessoas tentam imitar os outros. Talvez o aprendizado de imitação posso ajudar as pessoas a se socializar melhor. Não sei como aprender a imitar. xD. Afinal, quando encontram alguém que não conhecem, normalmente acabam agindo (“imitando”) um pouco como o outro, seja sendo mais formal, usando gírias, sendo mais extrovertido ou qualquer outro comportamento. Até sendo mais simpáticos quando estão conversando com alguém super simpático, sorridente.

 

Até mais,

Búfalo