Etiquetas

, , ,

Pois é, os humanos não tem muita capacidade em avaliar emoções. Já repararam como situações alegres ou objetos que desejam, quando alcançados nunca causam o mesmo efeito que o esperado? E as situações ruins? Sempre parecem piores.

Experiência mostram que escolhas feitas a partir da experiência de outras pessoas são melhores do que você mesmo analisar a situação a partir de dados.

Em uma delas um homem era colocado em uma sala e os cientitas pediam que escrevessem uma biografia contando um pouco sobre sua vida.

Uma mulher tinha contato com este homem e dava uma nota de 0 à 100. Depois, duas outras mulheres tinham um contato de 5 minutos com o homem. Elas deveriam fazer uma previsão do que acharia do encontro com base em um dos dados (a biografia do homem ou a biografia e a nota dada por outra mulher) e após o encontro davam novamente uma nota ao encontro. Apesar de as mulheres acharem que a biografia do rapaz era mais importante que a opinião da outra mulher (esta frase parece tão comum), as notas delas eram mais precisas quando dispunham das opiniões de outras.

Isto nos fornece a idéia das limitações em se avaliar dados objetivos. Lembro-me do post sobre a comparação entre a escolha de roupas pelo sexo feminino e a da nova residência por formigas. Aqui você pode lê-lo novamente.

Apesar de várias experiência indicarem que métodos não objetivos são melhres ao se analisar situações, até hoje vemos que as pessoas ainda insistem nesta idéia. Que mal há em perguntar a oponião à alguém? Ou tomar alguma atitude aparentemente impensada? Isto reflete muita das idéias da sociedade. Alinda mias quando é algo competitivo. onfiar nos outros traria resultados melhores para todos.

Até mais,

Búfalo